(88) 9 9803-4666

Ceará

Sinalização eletrônica será colocada em local de acidente que matou 18 no CE

Publicada em 11/11/14 as 22:00h por G1 CE


Compartilhe
   

Link da Notícia:

Familiares fazem missa para lembrar acidente  (Foto: Daniel Pereira Moura)

Será implantada, no prazo de 15 dias, sinalização eletrônica no trecho urbano da BR-020 de Canindé onde ocorreu o acidente com ônibus que matou 18 pessoas em 18 de maio deste ano. A informação foi confirmada por um engenheiro do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) que esteve na manhã desta terça-feira (11), no local.

O Dnit refez nesta terla o percurso do ônibus até o local exato do acidente, fotos e anotações que servirão de anáise para que no prazo de 15 dias ocorram as mudanças no trecho. O Dnit informou que a sinalização eletrônica será instalada a 70 metros do local do acidente. Com isso, os veículos terão que diminuir a velocidade quando trafegarem no trecho.

De acordo com o advogado da Associação das Vítimas da Princesa dos Inhamus (Avipe-CE), Albérico Ribeiro, as famílias lutam por três causas desde o dia da tragédia. "As famílias, todos nós, trabalhamos com três pontos principais. A mudança na estrutura das rodovias, a sinalização do local, apuração da responsabilidade criminal dos culpados e na indenização na área civil. Esperamos que tudo seja resolvido o mais rápido possível", afirmou o advogado.

Laudo da Pefoce
O laudo da Perícia Forense do Ceará (Pefoce) atestou que a falta de sinalização contribuiu para o acidente de ônibus da Viação Princesa dos Inhamuns que matou 18 pessoas em 18 de maio deste ano, em Canindé. O G1 contatou o Dnit, mas foi informado que o servidor que poderia comentar o caso não estava no órgão.

O documento conclui que o acidente "teve sua gênese no brusco desvio direcional para a direita, imposto ao coletivo" que foi "corroborado pela deficiência da sinalização do local", com consequências "potencializadas pelo não uso do cinto de segurança por parte dos passageiros".

De acordo com estudo técnico existem na BR-020, no trecho entre Fortaleza, até a divisa do estado do Piauí, sete pontos críticos que representam alto risco para a segurança e vida dos passageiros de transporte coletivo do estado do Ceará.

O documento cita que "verificando o local do acidente, bem como, toda a região circundante, inclusive a área anterior a entrada da bifurcação sentido sul-norte, constatou-se total ausência de sinalização, vertical ou horizontal, de regulamentação de velocidade".

Ainda conforme o laudo da Pefoce, o ônibus da empresa Princesa do Inhamus tinha os dispositivos de segurança veicular passiva, o que isenta a empresa de qualquqer culpa no acidente.

Tragédia no Ceará (Foto: GloboNews)Tragédia no Ceará matou 18 pessoas no dia 18 de maio em Canindé (Foto: GloboNews)

Testemunhas
Apesar do laudo pericial inocentar a empresa Princesa dos Inhamuns, o presidente da Associação das vítimas da princesa dos Inhamus (Avipe-CE), radialista Daniel Pereira, disse que a Delegacia de Canindé deve ouvir mais testemunhas e sobreviventes do acidente para saber se o motorista teve culpa ou não.

"Eu ouvi relatos de passageiros que estavam dentro do ônibus de que o condutor do coletivo estava conversando com uma pessoa, momento antes do acidente. Houve uma distração do condutor", afirmou. Daniel Pereira perdeu os pais no acidente.

Na manhã desta terça-feira (11), engenheiros do Dnit estarão no local do acidente para realizar o mapeamento do trecho para que seja implantado sinalização móvel e horizontal na pista.

Acidente
O ônibus da empresa Princesa dos Inhamuns tombou às 8h45 da manhã no dia 18 de maio, no trecho urbano da BR- 020, no Km 304, em Canindé, levando 41 passageiros. Segundo a empresa, o ônibus saiu de Boa Viagem, interior do Ceará, às 7h e tinha a previsão de chegar a Fortaleza por volta das 11h10. A PRF-CE informou na época que o acidente aconteceu no triângulo que dá acesso ao Centro da cidade. Os passageiros feridos foram levados para o hospital municipal e a Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Segundo a Secretaria de Saúde de Canindé, 15 pessoas foram transferidas para o Hospital Dr. José Frota (IJF), em Fortaleza.

O motorista do ônibus sobreviveu ao acidente. Ele informou à polícia que um motociclista que seguia à sua frente teria freado bruscamente. Na tentativa de evitar  a colisão, o condutor perdeu o controle do ônibus e tombou. A polícia disse que o teste de etilômetro foi realizado com o motorista do ônibus e deu negativo.

No dia seguinte ao acidente, em nota, a empresa Princesa dos Inhamuns lamentou o acidente e afirmou que "continua tomando todas as providências necessárias para o atendimento aos passageiros e aos familiares concedendo-lhes total apoio".

Fonte: G1 CE




Enquete
O mais importante para sua felicidade:

 O Trabalho
 A família
 Os Amigos
 A Diversão







LIGUE E PARTICIPE

88 36262266

Visitas: 36049
Usuários Online: 67
Copyright (c) 2019 - Rádio Tabajara FM