Hora Certa
Enquete
Você e sua família vão comemorar o Natal ?

 SIM
 NÃO

No Ar
BOM DIA TABAJARA com Jr Chocolate
Tema Dos 27 Anos da Tabajara de São Benedito
1
Jingle Tema Dos 27 anos da Tabajara de São Benedito
Tabajara FM 95,9 de São Benedito-CE
Visitas Este Mês/ Usuários On Line
Visitas: 28377 Usuários Online: 43
Brasil

Publicada em 07/12/17 as 08:19h - 25 visualizações
Preço do maracujá produzido na Serra da Ibiapaba despenca 31% na Ceasa Ceará
Fruta é comercializada ao preço de R$ 3,30 o quilo.

G1 CE


Maracujá: fruta é mais do que apenas um calmante natural  (Foto: Reprodução/ TV TEM)
O preço do maracujá apresentou uma queda no preço médio praticado no entreposto da Ceasa em Maracanaú de 31,25% em novembro deste ano, em relação a outubro. Comercializada atualmente ao preço de R$ 3,30 o quilo, em outubro o maracujá chegou a ser vendido por R$ 4,80 o quilo.

Outras frutas que tiveram redução considerável de preços foram a melancia (23,81%), caindo de R$ 1,05 para R$ 0,80 o quilo, o melão japonês (17,84%) passando de R$ 1,95 para R$ 1,60 o quilo e a manga Itamaracá 1ª (29%), que caiu de R$ 1,25 para R$ 1,00 o quilo. Dentre as hortaliças, a campeã de redução de preços é a abóbora caboclo (26, 32%), caindo de R$ 2,10 para R$ 1,55 o quilo, seguida da cebola roxa (18,64%), que passou de R$ 2,95 para R$ 2,40 o quilo.

De janeiro a outubro deste ano, o entreposto de Maracanaú comercializou 13.193,43 toneladas de maracujá, atingindo o ápice em julho, quando vendeu 1.637,68 toneladas. A fruta produzida no Ceará provém do litoral de Camocim e Acaraú, região da Ibiapaba, Região Metropolitana de Fortaleza, Maciço de Baturité e Baixo Jaguaribe. Além dessas regiões, a Ceasa costuma receber maracujá dos estados da Bahia, Pernambuco e Rio Grande do Norte.

Boa safra na região da Ibiapaba

Segundo Odálio Girão, Analista de Mercado da Ceasa, a redução nos preços do maracujá deve-se à boa safra que teve início na região da Ibiapaba, despontando com novas colheitas e colocando uma maior quantidade da fruta no mercado local.

"Também entrou na Ceasa uma grande quantidade de maracujá produzido na Bahia, o que também tem contribuído com a boa safra, "destaca ele. Odálio acrescenta que os produtos são de excelente qualidade e que a boa safra vai se estender por todo esse período de final de ano.



Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Copyright (c) 2017 - Rádio Tabajara Am - Todos os direitos reservados